Entenda a Queda de Cabelos e seus Tratamentos - RC Ritorno Capillari
(41) 98822-8528

A queda de cabelos, vem aumentando ano após ano e é um dos grandes vilões da saúde, não só física como psicológica, causando constrangimento e baixa estima no individuo portador. ela também pode ser sinal de algo mais serio.
A queda de cabelo é um problema que atinge grande parte da população mundial, tanto em homens quanto mulheres.


Existem várias causas para a queda acentuada de cabelo, porém é importante entender que existe uma grande diferença entre queda de cabelos e calvície.
Segundo Doutor Alexandre Tayuille, a queixa na prática diária da clinica medica sobre queda de cabelos só vem aumentando. Ele explica de forma simples o que é e como tratar a queda de cabelo no vídeo abaixo

Na maioria das vezes, uma acentuada queda dos fios esta diretamente ligada a um desses fatores: desequilíbrio hormonal, nutrição e stress, depressão e ansiedade. Outos caso é o fator genético


Cerca de 70% da população masculina é acometida de calvície ou alopécia androgenética. Normalmente a queda de cabelos fica mais evidênciada durante o banho, ao escovar os cabelos e ao acordar, ao observar o travesseiro.

Essa propensão genética acontece principalmente com homens, a testosterona produz o DHT (di-hidrotestosterona), que ataca a raiz do cabelo, até que o bulo capilar morra, sabotando a fase de crescimento dos fios. Isso também ocorre em mulheres, com variações hormonais, que podem acontecer por uso de anticoncepcionismo, gravidez e outros.

A queda de cabelos pode acontecer de uma hora para a outra e é conhecida como alopecia areata, nesse caso, não ataca só o couro cabeludo, mas no corpo todo.

A queda dos fios é normal, são cerca de 50 até 100 fios que caem diariamente, pode parecer muito, mas não é nada em comparação a quantidade de fios existentes na cabeça , que gira em torno de 100 mil.
Vários fatores que interferem na saúde do cabelo, prejudicando a sude capilar e provocandoo a queda dos fios, no caso das mulheres as causas mais comuns são :

Uso de Anticoncepcional;
Problemas de tireóide;
Excesso de hormônio testosterona;
Desequilíbrio de hormônios femininos

Distúrbios emocionais e psicológicos;
Reações da amamentação e pós parto;
Excesso de uso de química nos cabelos (tinturas, progressivas, dupla escova);
Eflúvio telógeno;
Calvície feminina.
Baixa imunidade;
Deficiência de vitaminas e minerais, como zinco e ferro;
Anemia;

Já nos homens os causadores ais comuns são:

Calvície masculina;
Calvície Aerata;
Sensibilidade á testosterona (DHT);
Dermatite Seborreica;
Fungos e bactérias;
Excesso de oleosidade
Distúrbios emocionais e psicológicos;
Baixa imunidade;
Deficiência de vitaminas e minerais, como zinco e ferro;
Doenças infecciosas;
Anemia.

Alguns causadores podem ser olhados de maneira mais especifica

Estresse
Uma das principais causas de queda de cabelo é o estresse, tanto físico como mental. Isso acontece porque o choque do estresse, um após um evento traumático ou sobre um processo de pressão, pode causar uma troca o ciclo dos fios do cabelo, fazendo-os cair.

Em alguns casos, o estresse pode não ser a causa principal da queda , mas pode trabalhar em conjunto com outros fatores existentes para piorar a perda de cabelos.

Participar de atividades físicas e de lazer, pode trazer uma melhor qualidade de vida e evitar outros problemas mais graves que podem surgir através do stress como a depressão.
Uso de antidepressivos e outros medicamentos
Alguns tipos de medicamentos, como os antidepressivos, os anticoagulantes ou os remédios para pressão alta, podem ter o efeito colateral da queda de cabelo, isso é normalmente evidenciado no início do tratamento ou na utilização por longos períodos. algus remédios que podem causar queda, a exemplo, são o metotrexato, o lítio e o ibuprofeno..No caso dar suspeita de que a queda de cabelo está sendo causada por remédio, deve-se contatar seu médico, verificando possibilidade de trocar para outro medicamento.

Alterações hormonais
As alterações hormonais são uma importante causa de queda de cabelo , acontecem durante a transição hormonal da adolescência, na utilização de pílula anticoncepcional e no excesso de testosterona, através do DHT.

Hipotireoidismo
Quando a tireoide não está funcionando corretamente vários tipos de hormônios não são produzidos corretamente ou na quantidade correta. Esses hormônios atuam diretamente em nosso metabolismo e portanto no crescimento dos fios de cabelo , por isso, quando estão em falta podem causar queda de cabelo. Em caso de suspeita de uma alteração na tireoide deve-se consultar um endocrinologista para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento indicado.

Gravidez
A queda de cabelo é comum em mulheres após o parto, isso acontece devido às alterações hormonais que acontece durante a gravidez, e também pelo estresse do parto. Geralmente, acontece nos primeiros 3 meses pós parto e pode durar até 2 meses.Isso pode acontecer também durante a gestação, relacionada com o aumento do hormônio progesterona que pode deixar os cabelos mais fracos e quebradiços.Como é um processo natural, normalmente irá melhorar com o tempo.

Veja o depoimento de Paciente sobre a queda de cabelos na gravidez

Anemia
A anemia é outro fator que também pode causar a queda de cabelo, já que os fios recebem menos sangue e por consequência menos nutrientes e oxigênio, tornando-se mais fracos e quebradiços. Em geral, a anemia é causada pela falta de ferro, mas também pode surgir por outros fatores, como a falta de vitamina B12. Normalmente o tratamento consiste no uso de suplementos de ferro e uma dieta balanceado para compensar a falta de minerais e vitaminas.

Fatores Nutricionais
A falta de uma nutrição adequada, pode enfraquecer os cabelos a ponto de causar queda. Vitaminas e minerais essenciais como zinco, vitamina A, E e do complexo B entre outros, Um couro cabeludo bem nutrido é sinal de cabelos fortes e saudáveis.

Apesar de ser raro, a presença em excesso de vitaminas A ou B, pode contribuir na queda de cabelos. Por isso deve-se utilizar os suplementos alimentares com acompanhamento médico ou de um nutricionista, para evitar atingir as doses máximas recomendadas.

São inúmeras as causas da queda de cabelos, por isso é importante realizar todos os exames acompanhados de um médico. Em certos casos o tratamento pode acontecer de maneira bem simples..


A ALOPECIA

Uma das principais causas da queda de cabelo é a Alopecia, doença que afeta o couro cabeludo em determinada área. Sua causa pode ser variada e com evolução em diferentes estágios. As principais causadores são:

Androgenético: comum em homens, aparece geralmente na puberdade com diferentes graus. Resulta da genética do individuo e da alteração da testosterona de seus cabelos;
Areata: Fatores autoimunes, que se agravam por motivos emocionais. A perda de cabelo pode surgiu em muita ou pouca quantidade, podendo atingir até mesmo a barba, sobrancelha e os pelos pubianos. O processo de renascimento dos pelos pode ser natural e costuma voltar após alguns meses;

Traumática: originada por lesões causadas no couro cabeludo, pode fazer perda não uniforme e problemas ao cabelo crescer;
Congênita: Hereditaria, existe desde o nascimento, o cabelo se torna escasso com o passar do tempo;

Secundária/Medicamentosa: ocasionada por medicamentos, infecções, doenças e outros;
Seborréica: causada pela escamação e coceira do couro cabeludo, a queda nesse caso não costuma ser em excesso;
Eflúvio telógeno ou deflúvio, causa mais comum da queda em mulheres, devido a tratamentos médicos;
Falta de Ferro: pessoas com baixo consumo de ferro podem prejudicar o crescimento dos folículos
Alergias: Alergias a glúten, lactose ou outros, podem gerar a queda.

O DIAGNÓSTICO

O diagnóstico envolverá observações clínicas e exames de sangue para avaliar as taxas hormonais.

Algumas observações podem ser feitas no seu dia a dias. Se o cabelo que caiu for bem oleoso é mais provável que a causa seja problemas de sensibilidade com a testosterona (tanto para mulheres como homens). Já se o fio está oleoso é muito mais provável que seja problemas hormonais na tireoide ou dermatite seborreica.
Em pessoas anêmicas ou passando por processo de estresse, há presença de cansaço, indisposição e palidez, além de dores no corpo. A queda de cabelo pode ser um alerta de outras doenças mais graves e que precisam de tratamento específico com orientação médica, portanto, se o cabelo começou a cair em grande quantidade, procure um médico o quanto antes..


O QUE FAZER PARA TRATAR A QUEDA DE CABELOS

Para tratar a queda de cabelo pode-se recorrer a produtos específicos, remédios ou suplementos como:
Shampoos e loções específicas para queda de cabelo;
Suplementos nutricionais para queda de cabelo, que contêm nutrientes implicados no crescimento e na saúde dos fios de cabelo.
Remédios para queda de cabelo, orientados pelo dermatologista, como a Fenisterida, Propecia ou infiltração com corticoide na raiz do cabelo.
Além disto, é também importante que a alimentação contenha todos os nutrientes necessários para o organismo, pois a queda de cabelo pode ser causada por dietas muito restritivas, pobres em calorias e pobre em proteínas animais.

REMÉDIOS, SUPLEMENTOS E TRATAMENTOS PARA QUEDA DE CABELO

Existem vários tratamentos com procedimentos mais agressivos como o implante, porém geralmente alem de serem muito caros são também dolorosos. Outro caminho é recorrer aos remédios para queda de cabelos existem vários remédios no mercado se o seu cabelo está caindo.
Outro medicamento que é muito utilizado por quem quer ter cabelos mais fortes é o Finaserida, lançado primeiramente para curar a alopecia androgenética, já teve sua bula atualizada algumas vezes por conter muitos efeitos colaterais para o corpo humano. Ele pode ser utilizado tanto em homens quanto mulheres, porém é preciso pensar bem antes de começar o tratamento com ele, por conter efeitos colaterais comodisfunção erétil e até mesmo graves problemas para o feto em grávidas.

Um dos remédios que também é utilizado – porém, para casos mais específicos – é o Cetoconazol Shampoo, que trata problemas de pele, seborreicos, caspa e infecções que podem gerar a queda de cabelo. Além de tratar a queda de cabelo, ele pode ser utilizado como shampoo anti caspa e comprado em farmácias de manipulação.

Hoje em dia existem vários suplementos a disposição no mercado. Um dos suplementos mais indicados para quem quer que não somente o cabelo cresça rapidamente, mas também as unhas fiquem mais fortalecidas, é o RC – Rittorno Capilare. O seu resultado é efetivo e já pode ser visto desde o primeiro mês de uso, consolidando-se apos 3 meses de tratamento. Alem de fazer a parte de nutrição do couro cabeludo através de sua formula polivitamínica, ele também inibe o ataque do DHT , impedindo com que ele mate o folículo e impeça o crescimento do fio


Lembrado que é sempre bom consultar um medico antes de tomar qualquer suplemento

A maioria dos tratamentos demora cerca de 6 meses em média para fazer efeito, deve-se levar e consideração de que a reconstrução capilar é demorada e exige paciência. Durante a suplementação certifique-se sobre a interação de medicamentos que podem prejudicar a efetividade e também alie uma dieta saudável e equilibrada